All posts tagged: Portuguese

Perto de Lá < > Close to There: Inaê Moreira and Alexandria Eregbu in Conversation

Esta entrevista foi editada para garantir clareza e comprimento, e foi traduzida para nossos leitores no Brasil com as seções em português em itálico, e em inglês em tipo normal. Inaê Moreira: Oi Alexandria, muito prazer! Sou uma artista de salvador, bahia, brasil. Trabalho com as artes do corpo, dança e performance. Através do meu trabalho tenho investigando questões que envolvem ancestralidade e memória negra. Gostaria de saber o que você tem criado nesse campo: corpo negro, ancestralidade, memória? Alexandria Eregbu: Oi Inaê! Há muitos trabalhos dentro da minha prática que lidam com o corpo negro, memória, e ancestralidade. Do ponto de vista da materialidade- uma das razões principais pelas quais eu comecei a trabalhar com a tintura do índigo veio da minha curiosidade para aprender mais sobre a contribuição negra à história da produção têxtil. Essa história não era reconhecida durante meu tempo na escola de arte, quando me concentrei em fibras. Intelectualmente, eu queria estar imersa em mais recursos que se refiram às conexões da África ocidental com os tecidos e com a performatividade como maneira …

Perto de Lá < > Close to There: Adriana Araujo and Josh Rios in Conversation

Esta entrevista foi editada para garantir clareza e comprimento, e foi traduzida para nossos leitores no Brasil com as seções em português em itálico, e em inglês em tipo normal. Adriana Araujo: Gostaria de começar nosso encontro pelo meio, esse tempo aqui agora, nos constituindo continuamente.  Estou neste momento ao lado de uma árvore a quem chamo de Generosa, é uma mangueira do quintal da casa que vivo, que dá frutos suculentos e doces, ela abriga pássaros, lagartixas, morcegos, formigas, entre outros seres vivos, alguns invisíveis. Além de abrigar um mundo inteiro em si, Generosa produz sombra e ameniza o calor nos dias ensolarados da cidade que vivo faz pouco menos de cinco anos, Santa Maria da Vitória. Aqui quase todos os dias (às vezes penso que as noites também) são de sol intenso. O céu hoje amanheceu parcialmente nublado, mas quase sempre o céu é bem azul. Quando sinto muita saudade de Salvador, o lugar onde nasci e vivi a maior parte da minha vida, é só olhar para o céu e me inventar mais perto do …

Perto de Lá < > Close to There: João Oliveira and Amina Ross in Conversation

Esta entrevista foi editada para garantir clareza e comprimento, e foi traduzida para nossos leitores no Brasil com as seções em português em itálico, e em inglês em tipo normal. Amina: Oi João, eu estava olhando as gravuras feitas com as peles de animais de plástico abertas e achei que temos um interesse em comum naquilo que existe alem da superficie do dia-a-dia. Como você expressou tão bem, eu vejo seu interesse em uma “força capaz de romper a superfície daquilo que se acostumou.” Existe alguma coisa que você procura encontrar no desdobramento de um corpo? No rompimento da superfície? Há ainda alguma coisa que você não encontrou? O que continua a te mover nessa exploração? This interview has been edited for clarity and length, and translated for our readers in Brazil with the Portuguese sections in italics, and the English sections unitalicized. Amina:  Hi João. I was looking at the prints made of the unfolded plastic animal skins and I think we share an interest in what exists beyond the surface of our everyday. As you put it …